Hip Hop Rádio

Não temos de ir a Roma para dar em Romance, vamos pedir ao Porto uma segunda chance.

Essa chance foi dada quando no dia 22 de Dezembro, se reuniram no Hard Club os amantes de hip hop para assistir a uma Ligação energética e memorável.

O clima estava propício, esperava-se uma grande noite.
Faltavam pouco mais de 10 minutos para o início do concerto e o contraste entre o exterior e o interior do edifício era notável. Um frio cá fora que era esquecido quando se entrava no tão bem elogiado Hard Club devido à ansiedade frenética que as pessoas imanavam.O concerto foi pontual, começou por volta das 22 horas na presença de Dj Fifty com uma versatilidade inerente e grandes transições à mistura.

Foi tempo de relembrar alguns clássicos de hip hop tanto nacional e internacional. Haveria melhor maneira de começar o concerto? Creio que não.
Seguiu-se Caixa Toráxica que nos mostrou que estávamos longe do nada porque aquele momento era tudo, aquilo seria um sonho ou realidade?

Foi genuíno, foi íntimo, foi real.
Uma viagem cheia de aventuras e peripécias foi-nos proporcionada por Puro L, um rapper portuense que deixou o público em autêntico êxtase. A sua energia, a sua postura, a sua voz rompem com o espirito de qualquer um. Uma atitude de um puro para um dos públicos mais puros do País, o nortenho.

Já tinham passado mais de duas horas de concerto, a casa estava cheia,  queriam a tão esperada entrada de Kappa Jotta. Esta estava para breve.
Era a vez da atuação de Dj Maskarilha. Este presentiou-nos com uns clássicos old school, que toda a gente sabia de trás para a frente.
Se havia vibe necessária e certa para a entrada de Kappa era aquela.

Sem mais demoras, foi a vez do verdadeiro Virus contaminar a mítica sala 1 do Hard Club.
Ele tinha tanto por dizer, tinha uma overdose de sentimentos em si que queria exteriorizar, e escolheu o Porto para mostrar o rap de rua de que é feito o seu álbum. Escolheu este lugar excêntrico para estar no Hustle com a família, para mostrar à sua mãe pela primeira vez um concerto seu, um momento lindo que ficará para sempre na memória.

Jotta com a sua toalha branca na cabeça e a sua voz inconfundível fez para merecer concretizar todos os seus sonhos ligados e conectados junto dos seus, pois até estes tiveram lugar reservado no palco.
Já cheio de saudades do palco, voltou a pisa-lo com mais feeling, para aquecer os corações com relíquias nostálgicas acompanhado como de costume por Bad Chicken seguidas de umas palavras sábias: “Sigam sempre os vossos sonhos e não deixam que ninguém se ponham entre eles. Eu estou a viver o meu graças a vocês.”
Um instante tão confortável e sereno, que nos fez sentir a todos na nossa segunda casa.

Um ambiente tão propicio a sentimentos foi complementado com Al-x quando este nos deixou um pedaço dele e nos falou de valores de amizade, que são tão necessários, e tão visíveis naquele dia.
Foi uma noite em grande, marcada por muitas emoções. Foi noite de agradecer aos Deuses do Hip Hop, de agradecer pessoalmente ao Barrako 27  que  estive  “ligado à ligação” criada por Kappa Jotta.
Cirilo, Uzzy  e  Factuz  também estiveram presentes, todos atrás do mesmo, chamativos e orgulhosos por poder pisar o palco do Hard Club e atuar perante a família “Hard Clubiana”.

O concerto estava a chegar ao fim, as pessoas estavam cansadas, mas  ansiosas por esse final pois sabiam que ia ser um término “ à grande”, um término à Kappa Jotta.
Juntamente com Reis, ambos saltam para o palco e contaminam todos os fãs com a energia e gratidão que estes sentiam. Foi um romance com um final feliz, único, inesquecível, puro e genuíno.

Escrito por: Rita Carvalho
Fotografia por: Inês Cruz

Leave a Comment