Hip Hop Rádio

L.E.V. e outras atuações em primeira mão com a Primeira Linha

O aniversário da Primeira Linha contou com a apresentação do álbum L.E.V. em primeira mão, mas já lá vamos.

A noite começou comMacaia. O Music Box ainda não estava cheio, mas rapidamente a voz que ecoava por toda a sala apelou ao coração daqueles que se amontoaram para ver o concerto. Macaia, um dos artistas da Primeira Linha, revelou-se uma das melhores atuações da noite. O estilo soul que o caracteriza encheu a alma de quem lá esteve.

Ainda assim, no final da atuação, afirmou que aquilo era apenas um warm up. Estava certo, pois, de seguida, Praso de livre e espontânea vontade soltou a voz que muitos reconhecem pelos concertos de Alcool Club.

Desta vez, Praso veio apresentar o seu mais recente projeto a solo. Atrás de si, estava Richard Beats a apoiar o artista com uma sonoridade impecável. E, como não há nada melhor que um palco cheio, subiram ao palco vários artistas que colaboram e contribuíram para este álbum.  

O público estava a o rubro, a festa já tinha começado, mas faltava ainda a dupla brasileira que terminou a noite em grande. Em todo o lado se viam brasileiros e portugueses juntos e alguns estrangeiros perdidos que rapidamente adotaram o Music Box, como segunda casa.

Os aplausos faziam-se soar e a estreia BK e Sain não podia ter corrido melhor. O ritmo que inundou a sala de espetáculos fez com que até quem não sabia dançar experimentasse abanar um pouco o corpo.

A noite findou, certamente, com um sentimento de objetivo cumprido não só para os artistas como também para quem lá esteve. Parabéns à Primeira Linha e a quem fez a festa.

Texto por Marta Laranjeira.

Podem ver também a foto-galeria completa por Rodrigo Santos aqui

Leave a Comment